Histórico

A BUCAN- Biblioteca da Universidade Católica de Angola, é um órgão de apoio à Universidade. A sua origem remonta ao ano 1999, ano em que foi criada a Universidade.

A BUCAN está organizada segundo a Classificação Decimal Universal (CDU), e possui um acervo bibliográfico diversificado e numeroso, desde as mais antigas publicações às mais novas em circulação. O seu acesso é grátis, tanto para os internos como para os externos.

As actuas instalações são provisórias. Espera-se a construção de um edifício.

A bibliografia da BUCAN consta dos respectivos Catálogos e Bases de dados, qualificado e quantificado da seguinte maneira (até Maio de 2010):

  1. BUCAN 19.888 exemplares.
  2. Angolana 14.055 exemplares.
  3. Fundo Bibliográfico 14.358 exemplares.
  4. Biblioteca Monsenhor Cachadinha 1.336 exemplares.
  5. Livros Virtuais 870 exemplares.
  6. Teses 57 exemplares.
  7. Sebentas 588 exemplares.
  8. Documentação e Revistas 3.269 exemplares.
  9. Documentação Europeia (CDE) 5.140 exemplares.

Contam-se vários exemplares (Livros e Revistas), contidos num contentor.

Aquisição dos Livros.

O acervo bibliográfico actual, cerca de 50.000 exemplares, foi adquirido de duas formas:

  1. Doações.

    2. Compras.

 

A BUCAN está aberta ao público de segunda ao sábado das 8,00h às 21, 30h.

OBS: Aos sábados funciona meia jornada, isto é das 8,00h às 12,00h.

A  BUCAN é dirigida pelo  Reverendo Padre Doutor  Belchior Sapuile que sucedeu no cargo o Reverendo Padre Doutor, Apolinário Hilemusinda.

Normas de utilização da Biblioteca

    Utilização Das Obras

  • É expressamente proibido anotar, riscar, dobrar ou por qualquer outra forma danificar ou inutilizar folhas, capas ou qualquer outra parte do material utilizado, ou retirar do mesmo qualquer carimbo ou etiqueta.
  • O não cumprimento desta imposição implica, além de outras possíveis sanções, a reposição da publicação danificada ou o seu pagamento integral, a juízo dos responsáveis pela Biblioteca.
  • Os funcionários podem, a todo o momento, interpelar e proceder a acções de verificação, caso observem comportamentos que indiciem danos para as obras da Biblioteca.

    Fotocópias

  • Sempre que os utentes necessitem de fotocópias devem efectuá-las na secção de de fotocópias da universidade.
  • De acordo com o regime legal dos direitos de autor, é expressamente proibido fotocopiar integralmente obras existentes na Biblioteca.

    Utilização da Internet

  • A Biblioteca disponibiliza alguns terminais de pesquisa que permitem acesso à Internet, exclusivamente para estudo.
  • Nenhum utente poderá usar a Intranet para assuntos que não forem indicados ao Recepcionista e não constem no Boletim de Inscrição.
  • O utilizador deste serviço deve ceder o seu lugar sempre que outro utente pretenda efectuar pesquisas no catálogo da Biblioteca ou aceder as bases de dados nela disponibilizadas.
  • A nossa base de dados, ainda em fase de organização, pode ser consultada no ficheiro clássico e na Intranet (Porbase5).

    Observância das Normas

  • Os utentes devem respeitar as instruções e observações que lhe sejam feitas por qualquer funcionário da Biblioteca.
  • Os funcionários da Biblioteca estão expressamente autorizados a fazer sair das instalações, os utentes que não respeitem as normas deste regulamento e não acatem as observações que lhes sejam feitas em ordem ao efectivo cumprimento do mesmo.
  • Aos utilizadores que, depois de advertidos, reincidam no desrespeito pelas disposições deste regulamento, serão aplicadas sanções, que podem ir desde a interdição, temporária ou definitiva de acesso à Biblioteca.
  • Os utentes têm à sua disposição, no balcão de recepção, um LIVRO DE RECLAMAÇÕES E SUGESTÕES, que lhes será facultado mediante identificação.
  • Os utentes não podem utilizar em conjunto mesas de leitura individuais, nem deslocar mesas ou cadeiras para lugares diferentes, daqueles onde estejam colocadas.
  •  Um outro livro - SUGESTÕES PARA AQUISIÇÃO DE LIVROS - estará também à disposição dos alunos. Estes devem identificar-se com o nome, nº e ano do curso que frequentam.

    Empréstimos

  •  Os professores podem requisitar livros e periódicos nas seguintes condições:

                 Periódicos - até 2 unidades durante 2 dias

                 Livros - até 4 unidades durante 15 dias

  • Situações especiais serão consideradas a juízo do Director da biblioteca.

        Os utentes que ultrapassem os prazos de entregas, ficarão sujeitos ao pagamento de 100 kzs por dia até ao limite de 10 dias. Findo esse prazo será cobrado o preço total do livro posto em Luanda e bloqueado o acesso à Biblioteca.

       Com o presente regulamento pretende-se estabelecer um conjunto de normas que se julgam indisponíveis, para proporcionar aos utentes da Bibliotecas melhores condições de serviço.

    BIBLIOTECA CLÁSSICA

  • Seleccionar o livro ou livros a consultar no computador ou no ficheiro na mesa em frente à porta da Biblioteca ou nos computadores das salas dos alunos.
  • Entregar o cartão de aluno ao recepcionista.
  • Escrever o nome e o título a consultar na folha de registo.
  • Deixar a pasta ou qualquer material similar na recepção. Receber uma placa para levantamento.
  • Concluída a consulta, deixar o livro no balcão ou mesas da Biblioteca.
  • O recepcionista registará a saída e entregará o cartão e o material deixado na recepção.

    BIBLIOTECA VIRTUAL

  • Cartão de acesso à internet.
  • Consulta individual ou de pequenos grupos.
  • O acesso à internet destina-se exclusivamente à consulta de assuntos pertinentes aos respectivos estudos.
  • Consultas indevidas podem interditar o acesso à Biblioteca.

    ACESSO

  • Obtem-se mediante um cartão comprovativo de estudante da UCAN.
  • Para os utentes externo, mediante uma autorização do Responsável da Biblioteca.
  • Os utentes da Biblioteca não se podem dirigir, ao espaço da leitura ou Internet com pastas, carteiras, mochilas ou material análogo. Devem deixá-los na recepção.

    SILÊNCIO E PERMANÊNCIA

  • Não se pode pertubar o silêncio e as condições de tranquilidade em que deve recorrer o trabalho dos utilizadores e funcionários da Biblioteca.
  • Não é permitido permanecer na Biblioteca para fins que não seja de estudos.
  • Dentro das instalações da Biblioteca não é permitido aos utentes:

                     a)conversar;

                     b)utilizar rádios portáteis ou walkmans/discmans/mp3/mp4/ipods;

                     c)manter ligados ou utilizar telemóveis; 

                     d)consumir qualquer tipo de alimento ou bebida;

                     e)fumar.

  • Os funcionários podem desligar e retirar telemóveis ou outros aparelhos similares deixados pelos seus proprietários nas instalações de leitura e que comecem a emitir. Devendo para isso deixá-los na recepção e desligados.
  • Os utentes não podem utilizar em conjunto mesas de leitura individuaisn nem deslocar mesas ou cadeiras para lugares diferentes daqueles onde estejam colocadas.
  • O estudo em grupo só é permitido no espaço da Biblioteca virtual.
  • A transgressão do silêncio pode impedir o acesso à Biblioteca.

   


Apresentação

    A Biblioteca de UCAN - BUCAN - iniciou há onze anos, aquando da abertura da Instituição, em 1999. No entanto, a sua actividade de bastidores -sobretudo a angariação de livros - começou bastante mais cedo. Já em 1998, havia milhares de livros, embora alguns não tivessem muito interesse para os cursos que ministrariam. O primeiro passo para a constituição da BUCAN foi a catalogação, a classificação e informatização desses livros. O sistema para a catalogação foi a CDU e para a informatização, o Porbase 5.

    Conforta-nos que, com tantas carências, a nossa Biblioteca tenha sido frequentada, nos cinco primeiros anos, por cerca de 100.000 alunos, um quarto dos quais externos.

    Sectores especiais

    Além da ordenação segundo a cota da CDU/Porbase, a Biblioteca organizou alguns sectores, onde os alunos, podem, mais rapidamente encontrar livros de uma determinada área.

    Acervo

    A Biblioteca tem um acervo de algumas dezenas de milhares de livros e periódicos, ainda nem todos tratados, e mais de 10.000 armazenados.

    Horário

    A BUCAN está aberta todos os dias úteis, 14 horas ininterruptas, no seguinte horário:

  •     De 2a à 6a feira: das 8h00 às 21h30
  •     Ao sábado: das 8h00 às 12h00

Siga-nos

Estamos nas Redes Sociais. Siga-nos dando um click.

Quem está em linha?

Temos 122 visitantes e sem membros em linha