REITOR DA UCAN APELA A MAIS DIÁLOGO, TRANSPARÊNCIA E COLABORAÇÃO

DSC 8618O Reitor da Universidade Católica de Angola, Pe. Dr. José Vicente Cacuchi convocou encontros com os professores da Universidade. O objectivo é dirigir uma mensagem ao corpo docente, incentivando todos a um maior diálogo, colaboração, transparência e respeito mútuo.

 

O encontro  contou com a presença da Vice-Reitora para a Área Académica, Dra. Maria Helena Miguel e de cerca de 30 docentes das diferentes unidades de ensino da UCAN.

 

Na ocasião, o Reitor esclareceu que desejava artilhar dificuldades e esperanças, que é necessários melhorar a comunicação entre os professores e os estudantes, e entre aqueles e os seus responsáveis directos, para reforçar o clima de coesão institucional. Falou ainda do novo software, das dificuldades e dos desafios que vem colocando aos professores, estudantes e gestores da UCAN, pediu calma e colaboração aos docentes para ajudar na missão de esclarecer e apelar a paciência dos estudantes, quanto as dúvidas e obstáculos que tenham sobre o software.

 

 O padre Vicente falou ainda da autoridade na Universidade.  “O professor é autoridade na sala de aula e não o estudante. Por isso deve exercer a sua autoridade. Entretanto, a autoridade deve ser autêntica, sem ceder a tentação do monopólio do saber. É preciso ouvir o estudante”,  referiu.

 

O Reitor reconheceu que existem professores exemplares e que se dedicam exclusivamente à Universidade. “A universidade sem professores é um monstro, não existe”. Entretanto,  precisamos de mais professores exemplares, esses exemplos devem ser conhecidos e seguidos. Precisamos de resgatar o ideal de professor da UCAN, disse o Reitor.

 O responsável máximo da UCAN anunciou na ocasião que será criado um livro denúncia ao Reitor onde poderão ser escritas queixas e reclamações. O padre Vicente Cachuchi terminou falando que “devemos ser uma equipaAs dificuldades existem, mas apenas juntos conseguiremos ultrapassá-las”.