DOCENTES DE ÉTICA ANALISAM UNIFORMIZAÇÃO DE CONTEÚDOS PARA UCAN SEDE E SUAS EXTENSÕES

A Coordenação das Cadeiras Éticas da Universidade Católica de Angola está a harmonizar os conteúdos programáticos das disciplinas éticas. Esse assunto foi analisado, em reunião, com os docentes das respectivas disciplinas, em Julho.

O encontro analisou também os efeitos e a extensão do processo de harmonização, razões pelas quais foram convidados a participar, pela primeira vez, os docentes do Instituto Superior Dom Bosco (ISDB) e os do Instituto Superior João Paulo II (ISUP- JP II).

Além da harmonização dos conteúdos, a reunião presidida pelo Frei José Sebastião Manuel (Frei Zeca), na qualidade de Coordenador das Cadeiras Éticas, tratou ainda da avaliação do primeiro semestre académico, preparação do segundo semestre e análise de propostas de trabalho apresentadas pelos docentes.

Depois da oração de abertura, o Vice-Reitor para Investigação e Extensão Universitária, Padre Doutor Jerónimo Cahinga, deu as boas-vindas aos docentes que participaram pela primeira vez, sublinhou a importância do processo de harmonização e a relevância da sua extensão ao ISUP-JP II, e informou o estado do processo de elaboração de um código de ética para a UCAN.

Os docentes fizeram uma avaliação positiva do processo de ensino e aprendizagem, no primeiro semestre, tendo ressaltado a pertinência da avaliação contínua, incluindo os trabalhos escritos, a participação, a assiduidade e a pontualidade. Apontaram como desafios, a necessidade do aumento da qualidade do raciocínio dos estudantes, em aspectos como lógica, progressão, não contradição, comparação e contextualização, não só em ética, mas em todos os campos do saber e da vida. Assim, os docentes sugeriram que estes aspectos devem merecer especial atenção no segundo semestre. Sugeriram que uma eventual melhoria poderia ser alcançada contando-se também com actividades extracurriculares, como conferências, debates e mesas-redondas, filmes, o que seria objecto de aprofundamento posterior.

Finalmente, os docentes ficaram de dar o seu contributo a proposta de código de ética que lhes foi submetida.

 A harmonização de conteúdos programáticos é também uma preocupação do Ministério do Ensino Superior, além de que facilitará a mobilidade entre os membros das Universidades do G4.

Siga-nos

Estamos nas Redes Sociais. Siga-nos dando um click.

Quem está em linha?

Temos 476 visitantes e sem membros em linha