CONSELHO DE REITORIA APROVA ATRIBUIÇÃO DE INCENTIVOS A PROFESSORES POR EMPENHO AO LONGO DO ESTADO DE EMERGÊNCIA

O Conselho de Reitoria (CR ) reuniu-se, no passado dia 19 de Maio, para, entre outros temas, analisar e deliberar o pagamento de dívidas e salários de Maio, em atenção as considerações e sugestões saídas do “Fórum Técnico para Área Financeira”, ocorrido no dia 15 de Maio; analisar e apreciar a proposta de convocação do Senado Universitário, em vista a discussão de um plano de contingência relativo ao reinício das aulas e diversos.

O Fórum Técnico para a Área Financeira é um grupo de trabalho criado para assessorar o Reitor no acompanhamento e avaliação permanente da situação financeira da UCAN. O mesmo integra, para além do Reitor, o Secretário-Geral, Dr. Laurindo Miji Viagem, o Director do CEIC, Dr. Alves da Rocha, Dr. Gouveia Neto e Dr. Miguel Manuel, ambos assessores do Reitor, a Directora da Direcção Financeira, Dra. Albertina Delgado, e o Director do Gabinete do Reitor, Dr. Nlandu Matondo.

Sobre o primeiro ponto, partindo das considerações e sugestões do “Fórum Técnico para a Área Financeira”, o CR deliberou o pagamento completo do salário a todos os funcionários, no mês de Maio. O CR aprovou ainda a proposta de atribuição de incentivos, exclusivamente, aos professores que têm vindo a trabalhar com os alunos durante a vigência do Estado de Emergência, com recurso às plataformas digitais, em momento a anunciar. Entretanto, o CR recomendou o aprofundamento da discussão sobre o pagamento de salários aos professores, nos próximos meses, com os Decanos e o Gabinete Jurídico, tendo em atenção a redução drástica das receitas correntes da UCAN e a sua sobrevivência no pós-covid 19.

Sobre o segundo ponto, o CR considerou dispensável a convocação do Senado, e em alternativa, orientou que a Vice-Reitora para a Área Académica e o Secretário-Geral reunissem com todas as Unidades Orgânicas da UCAN, no intuito de se criar um plano que acautele o cumprimento de exigências sobre as medidas de biossegurança necessárias para um ambiente de aulas seguro, na Universidade.

Nos diversos, o CR avaliou a necessidade e a possibilidade de se aumentar o número de bolsa internas, a julgar pelo número, cada vez mais crescente de estudantes que não têm condições de pagar; congratulou-se com a criação da da revista online, Angolan Mineral, Oil and Gas Journal (AMOGJ),  pelo Director do Instituto de Recursos Minerais Ambiente e Tecnologias – IRMAT da UCAN, em parceria com um professor do ISPTEC; a implementação de uma parceira entre a UCAN e a UBA (Universidade de Buenos Aires); a possível parceria com a Escola Superior da Saúde Santa Maria do Porto para a implementação de um curso de pós-graduação, de curta duração e a previsão de, a Cátedra da Língua Portuguesa, organizar, em Outubro desde ano, e com recurso às plataformas digitais, um Fórum Internacional sobre “A grafia dos empréstimos das línguas nacionais no português.