CENTRO DE ESTUDOS E INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA DA UCAN LANÇA ESTUDO ANALÍTICO SOBRE COVID 19: IMPACTOS ECONÓMICOS E SOCIAIS EM ANGOLA

O Centro de Estudos e Investigação Científica da Universidade Católica de Angola ( CEIC – UCAN) produziu, durante o Estado de Emergência, o estudo analítico sobre “COVID 19:  impactos económicos e sociais  em Angola”.

 

O estudo, apresentado nos primeiros dias do Estado de Emergência e notificação dos primeiros casos, oferece uma perspectiva académica, como contribuição no debate em Angola sobre a situação e os efeitos da pandemia, colocando questões como: diante do número de casos em Angola, existe mesmo um estado de emergência sanitária?

 

O estudo de mais de 40 páginas, possui cinco capítulos, começando com uma abordagem geral da situação do COVID 19 no mundo, suas implicações sanitárias, económicas, sociais e políticas, inclusive as medidas de apoio financeiro às economias afectadas; o segundo capítulo trata das políticas e medidas de Angola: que impacto esperáveis? Abordando as medidas de apoio às empresas e às famílias e sector informal; o terceiro capítulo trata do COVID 19 e o sector petrolífero; o quarto sobre a economia política desta crise,  finalizando com o quinto capítulo sobre a pandemia e prováveis efeitos desestruturantes sobre a psicologia e a organização social.

 

O estudo termina constatando que a pandemia poderá introduzir mudanças significativas na humanidade, sejam hábitos alimentares, trabalho e sua relação com tecnologia, formas de fazer turismo, macroeconomia e outros.

Siga-nos

Estamos nas Redes Sociais. Siga-nos dando um click.

Quem está em linha?

Temos 257 visitantes e sem membros em linha